Top casas de apostas
Conteúdo Comercial

Insira "BIGBET"
T&C’s Aplicáveis

BIGB...

100% até R$ 120
T&C’s Aplicáveis

Não precisa de código

Insira "1x_26203" ->100% até R$ 500
T&C’s Aplicáveis

1x_2...

100% até R$ 777+ R$ 25
T&C’s Aplicáveis

Não precisa de código

100% até $1089
T&C’s Aplicáveis

Não precisa de código

Esporte mais emocionante do mundo e paixão que conquista cada vez mais pessoas, o futebol garante fortes emoções tanto aos novatos quanto aos mais experientes.

Se você gosta sempre de estar bem informado, aqui você vai encontrar o resumo das melhores competições do mundo, cheio de notícias e previsões do que esperar nesta temporada 2018/2019.

Veja a seguir quais os eventos mais importantes que serão realizadas:

Os melhores bônus das casas de apostas

Site de apostas Bónus disponível Obter bônus
Atualizando bónus *

18+ | T&C's Aplicáveis

100% até R$ 120

18+ | T&C's Aplicáveis

100% até $ 30

18+ | T&C's Aplicáveis

100% até R$ 400

18+ | T&C's Aplicáveis

100% até R$ 120

Não precisa de código

Ativado bónus

18+ | T&C's Aplicáveis

100% até 250 €

Não precisa de código

Ativado bónus

18+ | T&C's Aplicáveis

* Jogue com responsabilidade / Este bônus de boas vindas está disponível apenas para novos clientes.

 

Copa Libertadores de 2018

TOPSHOT-FBL-LIBERTADORES-EMELEC-RIVER

AFP PHOTO / RODRIGO BUENDIA/Scanpix

A Copa Libertadores da América de 2018 segue pegando fogo e, nesta atual temporada de um dos principais torneios continentais de clubes do planeta, as disputas já chegaram às quartas de final.

Entretanto, antes de chegarmos às quartas, vamos dar uma passada rápida para falar sobre como foi a fase de grupos e as oitavas de final da competição mais importante do futebol sul-americano.

A fase de grupos da Libertadores foi bastante positiva para os clubes brasileiros e, dos sete representantes do maior país da América do Sul, apenas o Vasco da Gama ficou pelo caminho e não avançou à fase de mata-mata.

O Grêmio ficou na liderança do grupo 1, com 14 pontos, o Flamengo se classificou em segundo no grupo 4, com 10 pontos, o Cruzeiro passou na liderança do Grupo 5, com 11 pontos, o Santos também ficou na ponta do Grupo 6, com 10 pontos, e Corinthians e Palmeiras também ficaram em primeiro nos Grupos 7 e 8, respectivamente, 10 e 16 pontos.

O Palmeiras, aliás, teve a melhor campanha geral da fase de grupos e avançou à fase decisiva da Libertadores com a vantagem de poder disputar sempre o jogo de volta em seu estádio.

Como já era de se esperar, as oitavas de final da Libertadores foram bastante acirradas. Dos seis times brasileiros que chegaram a essa fase, apenas três continuaram sonhando com o título.

O Grêmio, atual campeão, teve dificuldades contra o Estudiantes, mas passou para as quartas depois de uma derrota e uma vitória por 2 a 1, e vencendo na decisão por pênaltis.

O Palmeiras foi outro avançou às quartas depois de derrotar o Cerro Porteño, fora de casa, por 2 a 0 e perdeu o jogo de volta por apenas 1 a 0.

As quartas de final também reservaram um embate entre brasileiros, com Flamengo e Cruzeiro se enfrentando, e com os mineiros levando a melhor. O Cruzeiro superou o rival no Estádio do Maracanã pelo placar de 2 a 0 e, no jogo de volta, no Mineirão, a Raposa perdeu para o Flamengo por 1 a 0, mantendo assim a vaga.

Os outros brasileiros que ficaram pelo caminho foram o Santos, que foi eliminado pelo Independiente, e o Corinthians, que não resistiu ao Colo-Colo.

Atualmente, a Copa Libertadores está na fase de quartas de final, com os jogos de ida sendo disputados nos dias 18, 19 e 20 de setembro, e os jogos de volta marcados para os dias 2, 3 e 4 de outubro.

O Grêmio, que defende o título, terá pela frente o Atlético Tucumán e o time do Rio Grande do Sul faz o segundo jogo em casa, na Arena do Grêmio.

O Palmeiras, que é considerado por muitos como o principal candidato ao troféu neste ano, tem pela frente o Colo-Colo e é outro que faz o segundo jogo em seus domínios, no Allianz Parque.

Por fim, o Cruzeiro faz uma partida duríssima contra o Boca Juniors e a equipe mineira também tem o privilégio de atuar na segunda partida em casa, no Estádio Mineirão.

Na outra partida das quartas de final, Independiente e River Plate fazem um duelo argentino que deve pegar fogo.

As semifinais da competição terão seus jogos de ida entre os dias 23 e 25 de outubro, e os confrontos de volta entre 30 de outubro e 1º de novembro.

Por fim, as finais da Libertadores estão marcadas para os dias 7 e 28 de novembro, com os dois melhores da competição brigando pelo troféu cobiçado e pelo direito de representar a América do Sul no Mundial de Clubes da FIFA. Aposte com o bet365

A Copa Libertadores de 2018 está chegando à sua reta final e os times do Brasil têm tudo para brigarem forte pelo título continental neste ano.

LEIA TAMBÉN: TOP CASAS DE APOSTAS PARA A LIBERTADORES

 

Liga dos Campeões da UEFA

Após falar da principal competição de clubes da América do Sul, é hora de falar da maior competição de clubes do futebol mundial, que certamente é a Liga dos Campeões da UEFA. E, neste ano, podemos ter muitas emoções no novo formato da Champions League.

Depois de boas emoções nos playoffs, a Liga dos Campeões chega à fase de grupos e, como é de praxe, teremos grandes times brigando pela ‘orelhuda’, como também é conhecida a linda taça do torneio.

A situação portuguesa

Dois clubes representam Portugal na fase de grupos da Liga dos Campeões da UEFA na temporada 2018/19. São eles o Porto e o Benfica, dois maiores times do futebol português na atualidade.

Integrante do Grupo D, ao lado de Galatasaray, da Turquia, Lokomotiv Moscou, da Rússia, e Schalke 04, da Alemanha, o Porto tenta ficar entre os dois primeiros colocados da chave para avançar à fase decisiva da UCL.

O Porto faz sua estreia na fase de grupos deste ano enfrentando o Schalke 04, fora de casa, no dia 18 de setembro e, logo depois, o time português tem um jogo em casa contra o Galatasaray, no dia 3 de outubro, antes de pegar o Lokomotiv Moscou, fora de seus domínios, no dia 24 de outubro. Esses são os primeiros três compromissos do time.

Já o Benfica está no Grupo E, ao lado de AEK Atenas, Ajax e Bayern de Munique, e o time de Portugal terá uma parada dura para se classificar.

O Benfica já abre sua participação na fase de grupos da Champions League 2018/19 com um jogo duríssimo contra o Bayern de Munique, no Estádio da Luz, em Lisboa, no dia 19 de setembro. Logo na sequência, o time lisboeta mede forças com o AEK Atenas, fora de casa, no dia 2 de outubro, e depois tem um jogo contra o Ajax, também fora de casa, no dia 23.

 

Times favoritos

Santiago_Bernabéu_Stadium

By uggboy (https://www.flickr.com/photos/uggboy/4170259823/) [CC BY 2.0], via Wikimedia Commons

Agora é o momento de destacar todos os principais favoritos ao título da Liga dos Campeões da UEFA na temporada 2018/19 e mostrar por que razão a UCL é uma das competições mais emocionantes do esporte mundial, não apenas do futebol.

O Real Madrid, campeão das últimas três edições da Champions League e dono de 13 títulos da maior competição de clubes do planeta, também sempre precisa ser mencionado entre os grandes candidatos ao título.

O time comandado pelo técnico Julen Lopetegui tem ótimos jogadores como o goleiro Keylor Navas, o zagueiro Sergio Ramos, o lateral esquerdo brasileiro Marcelo, além do volante brasileiro Casemiro e do atacante Gareth Bale. Os madrilenos também contrataram o jovem atacante Vinicius Júnior, cria do Flamengo, que pode ter um futuro brilhante na Europa.

O Real Madrid integra o Grupo G, ao lado de CSKA Moscou, Roma e Viktoria Plzen, tendo assim uma oportunidade muito grande de ficar na primeira colocação.

Neste grupo, a Roma também não pode ser descartada como uma das concorrentes a incomodar. O plantel comandado pelo técnico Eusebio Di Francesco tem nomes como o volante Daniele De Rossi, o meia Javier Pastore e os atacantes Edin Dzeko e Stephan El Shaarawy.

O Barcelona é outra equipe que sempre merece ser lembrada entre os principais postulantes ao título. Neste ano, o clube catalão integra o Grupo B, ao lado de Internazionale, PSV Eindhoven e Tottenham, sendo esse um dos grupos mais complicados da Liga dos Campeões 2018/19.

O Barça, do técnico Ernesto Valverde, tem nomes como o astro argentino Lionel Messi, o atacante brasileiro Philippe Coutinho, o uruguaio Luis Suárez, entre outras estrelas, e de novo chega para incomodar seus rivais.

Além dos dois gigantes espanhóis, há outros times nos outros grupos que chegam muito bem à Champions League desta temporada e podem sonhar com o cobiçado caneco de campeão.

No Grupo A, o outro grande espanhol Atlético de Madrid chega bem e o agrupamento também conta com Borussia Dortmund, Club Brugge e Monaco.

O time de Madrid, que é comandado pelo técnico Diego Simeone, aposta em nomes como o zagueiro uruguaio Diego Godín, o lateral esquerdo brasileiro Filipe Luis e o atacante francês Antoine Griezmann, além do atacante espanhol Diego Costa, para chegar forte na disputa.

O Borussia também nunca pode ser descartado como time que pode incomodar, já que a equipe comandada pelo técnico Lucien Favre conta com atletas como o goleiro Roman Bürki e os meias Marco Reus e Mario Götze para caminhar longe na competição continental.

Finalista na temporada passada, o Liverpool aparece no Grupo C, ao lado de Estrela Vermelha, Napoli e Paris Saint-Germain, chave que é considerada por muitos como o grupo da morte da atual UCL.

O Liverpool, do técnico Jürgen Klopp, tem jogadores como o goleiro brasileiro Alisson, o atacante brasileiro Roberto Firmino, além do egípcio Mohamed Salah e do senegalês Sadio Mané, tendo mais uma oportunidade de ouro para buscar o sexto título continental de sua história.

O PSG também pode ser cotado entre os favoritos, apesar de sua falta de tradição em nível continental. O time francês, que é liderado pelo técnico Thomas Tuchel, tem nomes como o atacante brasileiro Neymar, o zagueiro brasileiro Thiago Silva, o lateral Daniel Alves, o atacante uruguaio Edinson Cavani, além do recém-chegado goleiro Gianluigi Buffon, e chega para ‘causar’.

No Grupo F está o poderosíssimo Manchester City, comandado pelo técnico Pep Guardiola, ao lado de Hoffenheim, Lyon e Shakhtar Donestk, o que deixa o time inglês como ainda mais favorito a ficar com a primeira colocação do grupo.

O City é composto por jogadores de renome como o zagueiro belga Vincent Kompany, o meia belga Kevin De Bruyne, além dos atacantes Sergio Agüero, da seleção argentina, e Gabriel Jesus, da Seleção Brasileira. Com um elenco recheado de craques, a equipe de Manchester chega mais uma vez muito forte na briga pelo título.

Outro conjunto que está entre os grupos da morte é o Grupo H, que conta com Juventus, Manchester United, Valencia e Young Boys.

A Juve, do técnico Massimiliano Allegri, tem em seu elenco estrelado jogadores como o goleiro polonês Wojciech Szczesny, o zagueiro Giorgio Chiellini, e agora o atacante português Cristiano Ronaldo, um verdadeiro especialista quando se trata de Liga dos Campeões.

Assim, contando a chegada do astro português, não podemos deixar de colocar a Velha Senhora como uma das fortes candidatas a brigar pelo troféu.

Segundo time mais forte do Grupo H, o Manchester United também é outra equipe que deve incomodar bastante na disputa acirrada para conquistar a Europa.

O clube inglês, que é comandado pelo técnico português José Mourinho, busca seu quarto título da UCL na história e, para isso, aposta em nomes como o goleiro David De Gea, o volante Paul Pogba, os meias Juan Mata e Ashley Young, e os atacantes Alexis Sánchez, Romelu Lukaku, Marcus Rashford e Anthony Martial para ir longe no torneio.

Certo é que, com tantos jogadores de grande porte e clubes fortíssimo, a Liga dos Campeões da UEFA 2018/19 promete mais uma vez trazer jogos acirrados e cheios de emoção para os fanáticos pelo esporte mais popular do planeta.

A Champions League realmente é uma competição mágica e ninguém vai querer perder nenhum lance nos duelos entre os melhores times do Velho Continente.

Até mesmo os clubes intermediários chegam com força para incomodar em muitas ocasiões e isso é uma prova cabal da extrema qualidade competitiva da Liga dos Campeões. Assim fica fácil entender por que o torneio promovido pela UEFA atrai tanto os olhares dos torcedores espalhados ao redor do globo e como ele é inigualável em termos de emoções.

Acompanhar a Liga dos Campeões neste ano será um verdadeiro prazer para todos os apaixonados pelo esporte da bola redonda e não duvide que a edição desta temporada novamente seja uma das melhores de toda a história.

 

Campeonato Brasileiro Série A: Brasileirao

Republica_P_Corinthians

By Alessandra A. [CC BY 2.0], via Wikimedia Commons

Agora saindo da Europa, chegou a hora de falarmos um pouco de um dos campeonatos nacionais mais equilibrados em todo o planeta: o Campeonato Brasileiro Série A.

E a edição de 2018 do Brasileirão está mais uma vez reservando uma disputa acirrada, tanto na parte de cima quanto na parte de baixo da tabela de classificação.

Nas primeiras posições, o São Paulo está brigando forte pelo título e anda se mantendo na ponta durante boa parte do campeonato. O Tricolor, contudo, é perseguido por concorrentes fortes como o Internacional, o Flamengo, o Grêmio, e o Palmeiras, todos eles sendo os principais candidatos a levantar o troféu em dezembro.

O Internacional, do técnico Odair Hellmann, vem fazendo uma campanha surpreendente e parece que terá gás para seguir na briga pelo troféu até o final.

O Flamengo, que liderou o Brasileirão por algumas rodadas, tem tropeçado em alguns jogos e precisa se preocupar caso não queira sair da disputa pelo título.

Além do Inter, seu arquirrival Grêmio também segue firme na atual temporada e vem mostrando que, sob a liderança do técnico Renato Gaúcho, consegue ser uma equipe bastante competitiva e de chegada.

Já o Palmeiras, que trouxe de volta o técnico Luiz Felipe Scolari no meio do ano, continua mostrando todo seu poderio e espera chegar forte na disputa pelo título da principal competição nacional. O Verdão tem um dos elencos mais fortes do futebol sul-americano e pode sonhar com o título nacional e com mais troféus em 2018.

Atual campeão nacional, o Corinthians não vem indo bem na competição até o momento e a campanha do Timão tem sido marcada pela irregularidade. Com pouco menos da metade do Brasileirão a ser disputado, o Corinthians está na zona intermediária da tabela e tem chances de título muito remotas. O técnico Osmar Loss não tem feito um grande trabalho até agora como substituto de Fábio Carille.

O Santos também vem tendo uma temporada fraca. Além de ter sido eliminado da Copa Libertadores, o time da Baixada Santista vem fazendo uma campanha bem abaixo do esperado no Brasileirão e tem que tomar cuidado para não se aproximar novamente da zona de rebaixamento. O Peixe passou boa parte do campeonato transitando nas últimas colocações da tabela.

Na parte de baixo da tabela, times como Vitória, Bahia, Botafogo, Vasco, Sport, Chapecoense, Ceará e Paraná brigam ponto a ponto para se afastar ou sair da zona da degola e cada jogo para esses times desesperados é de suma importância.

O extremo equilíbrio do Campeonato Brasileiro Série A pode ser provado apenas observando a tabela de classificação. Em um exemplo claro disso, basta ver que, na metade final da competição, menos de 20 pontos separam o primeiro time dentro da zona de rebaixamento e o grupo dos quatro primeiros colocados do Brasileirão.

Com uma disputa sempre tão quente, o Brasileirão pode ser considerado um dos campeonatos nacionais mais legais de se acompanhar em todo o mundo.

O que o futuro reserva?

Antes mesmo de a edição de 2018 do Campeonato Brasileiro chegar ao fim, podemos projetar que dois dos quatro grandes clubes de São Paulo, por exemplo, têm um futuro interessante pela frente.

O Palmeiras, que é considerado por muitos o time brasileiro com o elenco mais forte no geral, tem chances de dar sequência ao bom momento em 2019, continuando a brigar forte pelos principais títulos nacionais e internacionais. Neste ano, Verdão segue firme e forte nas disputas pelos troféus do Brasileirão, da Libertadores e da Copa do Brasil.

O São Paulo, que segue brigando forte na ponta da tabela do Brasileirão, parece ter voltado aos trilhos e, sob o comando do técnico Diego Aguirre, o Tricolor paulista tem uma grande oportunidade de voltar de vez ao protagonismo no futebol brasileiro.

Já o Corinthians parece estar com alguns rombos em seu elenco e precisa se reforçar para 2019 para voltar a brigar forte pelos títulos. O time já foi eliminado da Libertadores em 2018 e agora se concentra no Brasileirão e na Copa do Brasil para tentar encerrar o ano de forma menos vexatória.

Por fim, o Santos passou boa parte do Brasileirão brigando para se afastar da zona de rebaixamento e o clube da Baixada Santista segue vivendo situação delicada. O Peixe já saiu da Libertadores e também não está mais na disputa pelo título da Copa do Brasil. O time terá que colocar ordem na casa para voltar a brilhar no próximo ano.

 

Copa do Mundo da Fifa de 2018

Copa América 2019

A Copa América 2019 será um dos principais torneios de futebol no ano que vem, colocando frente a frente as melhores seleções sul-americanas. A Copa América chega agora à sua 46ª edição, sendo o torneio de seleções mais antigo do mundo.

A edição de 2019 será disputada no Brasil, com cinco cidades recebendo os jogos da Copa América: Belo Horizonte (MG), Salvador (BA), Porto Alegre (RS), Rio de Janeiro (RJ) e São Paulo (SP).

O torneio está programado para o mês de junho de 2019, exatamente um ano depois da Copa do Mundo de 2018, na Rússia. A programação completa da fase de grupos e tudo mais ainda será confirmada pela CONMEBOL.

As seleções sul-americanas que vão participar do torneio são Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela.

A Copa América 2019 também contará com a participação de duas seleções asiáticas convidadas: Catar e Japão.

O Chile, atual campeão da Copa América, após o título conquistado em 2015, chega para defender o troféu. Agora, a seleção chilena é comandada pelo técnico colombiano Reinaldo Rueda.

Os maiores campeões históricos da Copa América são o Uruguai, que venceu a primeira edição, em 1916, e soma 15 títulos da Copa América em sua história, e a Argentina, que conquistou o troféu da Copa América em 14 oportunidades.

O Brasil é um favorito?

Logo atrás de Uruguai e Argentina, o Brasil tem a seleção que está na terceira colocação em títulos na história da Copa América, com oito no total. O mais recente deles foi em 2017.

E os comandados do técnico Tite chegam fortes para brigar pelo caneco.

Após a eliminação nas quartas de final da Copa deste ano, quando perdeu para a Bélgica, a Seleção Brasileira chega para brigar forte na disputa pelo troféu da Copa América 2019 e jogadores jovens devem se apresentar neste reinício de trabalho visando a Copa de 2022.

Nomes como Neymar, Thiago Silva, Philippe Coutinho, Casemiro e companhia devem continuar a liderar o escrete canarinho e o técnico Tite deve explorar ao máximo seus atletas para extrair o melhor deles e dar continuidade ao trabalho de grande qualidade que ele vem fazendo.